Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

O QUE É KEFIR E COMO FAZER KERFIR DE LEITE E DE ÁGUA

O QUE É KEFIR E COMO FAZER KERFIR DE LEITE E DE ÁGUA
Avalie sua postagem

O QUE É KEFIR

È  um alimento probiótico produzido através da fermentação do leite  produzido  por bactérias e leveduras, com aspecto semelhante ao iogurte,porém com maior valor nutricional,e,terapêutico. È considerado grande aliado no combate á grande número de enfermidades e disfunções.

Sendo um dos alimentos mais antigos da humanidade,ainda pouco difundido no Brasil.  È uma bebida originária da região do Cáucaso, na Rússia sendo por muito tempo um segredo étnico responsável pela longevidade e saúde de seus  habitantes

Possuem a aparência de “grãos” que variam de tamanho, aproximadamente 3 a 7 milímetros e de textura plástica, opaca, ligeiramente transparente que pode ser de coloração branca ou amarelada.

É difundido através de doações de seus grãos para a produção de leite fermentado, com baixo teor de lactose e inúmeras propriedades benéficas a nossa saúde.

 

BENEFÍCIOS DIETÉTICOS E TERAPÊUTICOS:

 

—Restaurador da vitalidade e da disposição física, mental e emocional .Combatendo distúrbios nervosos, a ansiedade , a insônia,e a síndrome da fadiga crônica

—Restabelece e equilibra a micro flora intestinal, ótimo para quem se submeteu a longos tratamentos com antibióticos.

–Indicado para tratamentos de problemas cardio-vasculares ,arteriosclerose ,também auxiliando a redução  do colesterol (LDL)

—Ativa o sistema imunológico. Aumenta a resistência a infecções  desta maneira  auxilia  nos tratamentos de doenças como  Aids,herpes,anemia

—Diminui o risco de câncer de cólon de intestino

—Usado nos tratamentos do Aparelho Digestivo como:  Disfunções hepáticas.  Úlceras pépticas,duodenais, e gastrite  .Diarréia.  Prisão de ventre.

— Promove uma absorção orgânica muito maior de sais minerais e vitaminas, principalmente a vitamina B12, ajudando nos problemas de desnutrição.

—Incrementa o valor biológico das proteínas do leite

—Sintetiza ácido lático, fazendo o teor de lactose diminuir e favorecendo a digestibilidade do leite

 

MODO DE PREPARO DO KEFIR

 

O Kefir pode ser preparado com água ou leite. Para o uso de apoio em terapias emprega-se uma quantidade maior do que como

complemento na alimentação básica e para tal a água é mais indicado.

 

Kefir de Água

 

Adicione de 2 a 4 colheres de sopa com grãos de kefir em um litro de água mineral.

Coloque 3 colheres de sopa de açúcar mascavo,  ou melado de cana. Mantenha uma boa higiene no preparo.

O recipiente pode ser de vidro, inox, ou plástico de boa qualidade.

Tampe o recipiente para evitar a presença de impurezas, ciscos, poeira e insetos, mas deixe uma saída de ar, pois na fermentação haverá a

expansão de gás carbônico e se for hermeticamente fechado poderá explodir.

Você pode ,cubrir com um pano ou papel toalha  e prender  com um elástico.

Deixe em temperatura ambiente durante 10 a 40 horas, lembre que os dias mais quentes aceleram a cultura e os dias frios retardam.

Dependendo da finalidade ou gosto o tempo de fermentação da cultura varia.

Coe e armazene em recipiente igual ao anterior. Nunca utilize alumínio em nenhuma das etapas.

Os grãos se multiplicam com rapidez e devem ser reaproveitados para uma nova cultura após terem sido lavados em abundante água corrente e utilizados para a importante disseminação comunitária, lembre-se de sua preciosidade.

Os grãos possuem valor individual, familiar e coletivo, são bons para nos ajudar individualmente e coletivamente.

Os grãos que ficarem estacionados na superfície são matéria morta e devem ser descartados.

 

Kefir de Leite

 

O procedimento é igual ao da água, com a diferença de que o leite deve ser morno ao iniciar a cultura. Leite pasteurizado pode ser empregado.

É aconselhável que se tenha sempre em mãos uma cultura na água também, pois o leite é um produto que vem sendo adulterado com substâncias químicas desde a alimentação da vaca até o seu acondicionamento e com o tempo a cultura de kefir pode sofrer alterações.

Não há necessidade de se adicionar açúcar mascavo ou equivalente ao leite, ele já tem o seu açúcar próprio que conhecido pelo nome de lactose.

A lactose é consumida e transformada pela cultura e torna o leite enriquecido e assimilável por aqueles que possuem intolerância à lactose, adultos e crianças até da mais tenra idade, como bebes, por exemplo.O sabor é muito palatável.

Atualmente estão sendo utilizados  com outros tipos de bebidas vegetais, também chamadas leite vegetais.

Colocar uma colher de sopa de grãos de Kefir em meio litro de bebida vegetal.que pode ser de soja , coco,aveia, arroz ,amêndoa

 

Iogurte de Kefir de  Leite de coco

 

 

1 litro de leite de coco caseiro

Esquente o leite a 85°C e deixe que esfrie até 43°C.

Misture com 100 ml de kefir de água

Cubra com um prato, embrulhe em duas ou três toalhas e coloque em um lugar protegido.

Deixe descansar por 5 horas, desembrulhe, cubra com filme plástico e leve à geladeira.

 

MODO DE CONSUMO DO KEFIR:

 

Tem uso interno e externo. O uso externo é indicado para problemas cutâneos como acne com incrível eficácia e para a manutenção e regeneração da pele.

No uso contínuo e diário, com 300ml a 500ml (meio litro) já se consegue bons resultados e benefícios.

Para a maioria dos empregos terapêuticos aconselha-se a ingestão de kefir feito com água na quantidade aproximada de 1 litro por dia e dois litros em

casos graves de anemia e para uma intensa desintoxicação orgânica. É recomendada a ingestão diurna do kefir.

Não comemos os grãos de kefir, mas sim ingerimos a parte líquida de fermentação da cultura.

Pode ser refrigerado, misturado na base de 50% nos sucos de frutas. Kefir com mel e guaraná em pó é um tônico geral maravilhoso.

Os produtos lácteos do kefir podem ser adicionados a frutas, utilizados em receitas variadas, mas sempre consumido cru.

O uso de chás medicinais para a fermentação desta cultura traz bons resultados.

O conhecimento do uso e modo de consumo do kefir é ainda uma página nova na aventura da vida humana

 

ARMAZENAMENTO

 

Após coado, o líquido resultante da fermentação da cultura deve ser conservado em refrigeração, mesmo quando consumido na forma de queijos. A duração de seus produtos vai até no máximo três dias, mesmo sob refrigeração.

Os grãos, após lavados e secados devidamente à sombra em temperatura ambiente, podem ser mantidos refrigerados a 4°C ou liofilizados por congelamento.

 

INICIANDO O USO DO KEFIR

 

 Não comece com quantidades elevadas. Experimente meio copo, uns 100ml, no primeiro dia e veja como se sente neste dia, avalie a sua aceitação digestiva no dia seguinte e só aumente a quantidade aos poucos e gradativamente, em um mês já se pode ingerir  uma quantidade maior conforme a sua finalidade.

O aumento excessivo de gases intestinais é indício de dose muito elevada. As vezes um mês sem kefir pode ser bom para esperar um melhor momento orgânico para eliminar efeitos de gases persistentes.

Bom senso e auto observação a alterações radicais no corpo devem ser levados em conta.

 

Elaborado por Irma Leite ,Educadora Nutricional

Fonte e Referências Bibliográficas:

http://paginas.terra.com.br/saude/kefir/referencias.htm

GIACOMELLI, Paula. Kefir – alimento funcional natural. Guarulhos, 2004.

http://www.wellsphere.com/digestive-health-article/kefir-may-protect-against-some-food-allergies/370766

http://www.kefir.com.br

 

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.